Como vender energia solar? Saiba como ganhar dinheiro

Como vender energia solar e ganhar dinheiro?

Se você tem um sistema que gera energia através dos raios solares, com certeza deve ter economizado bastante na sua conta.

Mas sabia que há como vender energia solar? Dessa forma, além de economizar, você vai poder ganhar dinheiro ao final do mês.

Mas, como vender energia solar? Será que esse é um procedimento difícil ou mesmo legal? Tudo isso e muito mais iremos falar no decorrer deste artigo.

É possível vender energia solar?

Sim, você pode vender energia solar. Inclusive, é possível fazer isso de mais de uma forma: através de leilões regulamentados pela ANEEL ou por meio do mercado de contratação livre, através de usinas solares.

No entanto, também existe a forma de venda que é gerada pelo sistema fotovoltaico para a rede distribuidora. Dessa forma, você recebe créditos de energia.

É possível vender a energia solar que você produz em casa?

A venda de energia solar rede própria também é algo permitido. Dessa forma, você pode vender os créditos de energia de acordo com a geração excedente, por exemplo.

Porém, também pode vender aos consumidores do mercado livre de energia, sendo dessa forma um autoprodutor associado à Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

Contudo, essa regra é válida para energia hidráulica, eólica, solar e biomassa.

Ademais, trata-se de uma prática que tende a beneficiar não só o consumidor, como também o Estado. Mesmo porque, dessa forma, proporciona economia para as duas partes, além de ser um processo um tanto quanto simples.

VEJA TAMBÉM:

Como vender energia solar excedente produzida em minha residência?

Nesse caso, você precisa produzir em excesso e “emprestar” para a rede da distribuidora.

Ela, por sua vez, vai fazer o pagamento por meio de créditos na sua energia no mesmo valor, a qual é válida por até 60 meses. Ou seja, dá um retorno financeiro de até 95% da redução da conta de luz do imóvel.

Nesse tipo de venda, a pessoa que irá dispor dos recursos não vai receber o dinheiro, mas sim obter créditos na sua conta de energia.

Por consequência, é essencial ter o sistema on-grid, para que possa enviar a energia excedente que foi gerada para a distribuidora de energia.

Dito isso, abaixo iremos falar sobre algumas formas que você tem de vender energia solar.

Confira abaixo.

Leilões regulados pela ANEEL

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), é o órgão responsável por entregar e gerar a energia elétrica em todas as regiões do Brasil.

Mas, para que isso possa acontecer, faz-se leilões para que seja possível comprar a energia elétrica.

Sendo assim, as concessionárias de energia e todas as demais autorizadas da contratação, tendem a oferecer um atendimento inteiramente voltado para os leilões, os quais são feitos pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), de acordo com a delegação com a ANEEL.

No entanto, é interessante que você saiba que os leilões são feitos em categorias diferentes, sendo elas:

  • Vendas;
  • Fontes Alternativas;
  • Excedentes;
  • Estruturante;
  • Energia de Reserva;
  • Compra;
  • Ajustes e outros.

Portanto, caso queira vender energia solar, atente-se em fazer parte da categoria correta, que melhor se adapta a sua necessidade.

Mercado livre de energia

Outra forma de como vender energia solar é através do mercado livre de energia, o qual funciona por intermédio de contratação livre.

Ou seja, isso quer dizer que ele tende a ser mais independente. Portanto, a comercialização de energia acaba por estimular a livre concorrência tanto entre produtos quanto geradores, o que torna a compra um pouco mais acessível.

Mas, nesse modelo de contratação, diferente do Mercado Cativo, o consumidor tem livre arbítrio em escolher seu fornecedor de energia, de acordo com o SIN, e negociar tanto os seus preços quanto preferências e conveniências.

Contudo, para poder vender energia solar no mercado livre de energia, é necessário se tornar autoprodutor ou gerador de energia solar associado à CCEE.

Dessa forma, você pode vender aos consumidores de mercado livre que tem demanda entre 500 kW e 3 MW.

O mercado livre também possui outras vantagens que ajudam o consumidor, como poder escolher entre diferentes opções de fornecedores. Além da maior flexibilidade de escolha entre fontes de energia do SIN, uma concorrência que estimula a redução de preços e gerenciamento do seu negócio.

Abertura de franquia

Quer saber outra forma de como vender energia solar? Então que tal apostar em uma franquia? Nesse caso, você se torna responsável tanto por vender quanto instalar sistemas fotovoltaicos.

Mas, para poder fazer isso, deve-se ter entendimento a respeito dessa tecnologia.

Portanto, antes mesmo de abrir uma franquia, procure entender mais sobre o assunto, fazer cursos e entender mais de como o mercado funciona.

Conclusão

Portanto, buscar a escolha certa pode vir através de pesquisas e conhecimento. Ademais, a prática é sempre a melhor forma de se tornar um especialista em energia fotovoltaica.

Portanto, assista vídeos, faça cursos técnicos e aprimore seu conhecimento para escolher a melhor opção de ganhar dinheiro com venda de energia solar.

Antes de tudo, é essencial ter energia solar em seu domicílio. Se precisar conte com a provenner!

Após, instalar, tenha lucros com a energia excedente e os melhores retorno de investimento!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisa de ajuda? Converse conosco
Rolar para cima