O que é eficiência do painel solar?

Entenda a importância de conhecer a eficiência do painel solar antes de montar o seu projeto e realizar a compra. Saiba também como esse fator pode interferir ou beneficiar a sua conversão de luz solar em energia elétrica. 

Se você gosta de assuntos como esse, fique conosco!

No artigo de hoje preparamos um conteúdo explicativo para mostrar o que é e de que se trata. Pois sabemos que quando se trata de painel solar, ou até mesmo energia fotovoltaica, estamos falando de qualidade de vida com um recurso limpo infinito.

A que se refere a eficiência de um painel solar?

Podemos explicar que a eficiência do painel solar está ligada a conversão de luz em energia elétrica em porcentagem por m². Ou seja, o potencial que a peça tem de realizar esse trabalho.

O potencial é apresentado em porcentagem, por isso se um painel apresenta eficiência de 16%, esse valor está relacionado a conversão por m². No entanto, as medidas não são feitas em condições comuns. 

Para isso, o painel solar é levado para as testagens de laboratório em “condições padrão de teste” ou STC (Standard Test Conditions). Além disso, antes de analisar a  eficiência do painel solar é importante considerar as perdas de eficiência no Brasil, pois esse teste não considera essas variáveis no país.

Como medir a eficiência?

Um procedimento como esse deve ser feito antes mesmo de realizar a compra do painel solar. Além disso, pelo contrário do que muitos pensam, não são necessárias tantas informações para calcular a eficiência deles.

Para calcular é necessário ter as medidas de altura e largura precisamente da placa de energia solar. Outra informação crucial é a potência dela que não pode faltar no cálculo.

Exemplo:

Painel/ solar com potência de 330 watts de largura 0,992 m e altura 1,956 m

  1. Encontre a área do painel solar: 0,992 × 1,956 m= 1,940352 m²
  2. A potência deve ser usada dividindo pela área encontrada: 330/ 1,940352= 170.07 Watts/m²
  3. Para chegar na porcentagem, o resultado encontrado na divisão deve ser dividido por 10. Assim teremos: 170.07 /10= 17.07%

Em suma, no exemplo de painel que usamos acima, com relação aos seus dados apresentados possuíram uma eficiência no valor de 17.07% na STC ( Condições de Teste Padrão). 

Qual a importância da eficiência para o projeto de energia solar?

O primeiro ponto desta análise é justamente entender qual painel oferece o maior aproveitamento de energia. Nesse sentido, a partir do cálculo dos painéis para o seu projeto, é possível prever qual trará mais vantagens para você além do melhor custo benefício.

Além disso, vale apontar que os painéis que apresentam um menor desempenho em conversão para energia fotovoltaica, podem ter maiores necessidades. Ou seja, um maior número de painéis e também uma área maior para a instalação. 

Nesse sentido, a escolha deve ser feita de acordo com o melhor desempenho do módulo (painel) em relação à quantidade de energia produzida por m². Quanto menor a eficiência do módulo, menor a geração de eletricidade para o consumo.

Por que não devemos nos basear na eficiência informada pelo fabricante?

A eficiência do painel solar fornecida pelo fabricante é resultado de avaliações para medições em laboratório. Essas medidas são feitas com valores adotados e reconhecidos internacionalmente, eles representam as STC que já falamos em outro tópico.

São testes em padrões definidos para a avaliação de produtos pela indústria solar. Assim, com condições de avaliações fixas, é possível realizar a avaliação e comparativos eficientemente.

As condições padrão de testes são três, isso permite que as análises sejam feitas dentro de uma mesma situação.

3 condições padrões são:

Temperatura da Célula= 25° C

A temperatura ambiente não é a temperatura da célula solar. Para realizar os testes, o painel solar deve estar durante o procedimento em 25°.

Irradiação solar= 100 Watts m²

O valor representa a quantidade de energia que incide em uma determinada medida em um determinado momento. Ou seja, a quantidade de luz que incide sobre a superfície da terra.

Massa de Ar= 1.5

Esse é um valor difícil de captar, pois se trata da quantidade ( medida de extensão) de atmosfera terrestre que a luz necessita antes de tocar a superfície do solo. Portanto, está relacionada mais sobre o ângulo do sol em relação ao seu ponto de referência na terra 

Leia também: Célula fotovoltaica: Guia completo com tudo o que você precisa saber.

Considerações finais 

Conhecendo de que se trata a eficiência da placa solar e as condições padrão de testes, podemos concluir a importância desse fator na escolha das células. 

Além disso, existem fatores que podem interferir nas eficiência, são eles:

  • Irradiação Solar;
  • posição da placa;
  • Temperatura;
  • Inclinação;
  • Sombreamento;

Por isso, é de suma importância adquirir produtos de qualidade a partir de um projeto feito por um profissional em energia solar.
Para esses e outros assuntos como energia fotovoltaica, fique por dentro da Provenner Engenharia.

Precisa de ajuda? Converse conosco
Rolar para cima